Friday, September 15, 2006

 

UEFA: Rescaldo

Numa jornada mediana das equipas portuguesas em ronda europeia, começamos pelas equipas vitoriosas.

Sporting vs Inter: Num jogo que a equipa de Alvalade conseguiu dominar e parar os artilheiros e armadores do Inter, proporcionando um grande jogo de bola em que a equipa da casa saiu ganhadora. Caneira e Miguel Veloso foram as figuras da equipa leonina.

Braga vs Chievo: Das equipas europeis é a unica que aparenta ter o caminho traçado na Taça UEFA. Braga marcou por Paulo Jorge logo cedo e por Wender de penalti já ao cair o pano carimbaram o passe do Sp. Braga para Verona na frente de batalha mas o jogo de Verona não será tão simples.

Porto vs CSKA: Um jogo claramente dominado pela equipa portista mas pecando no capitulo da finalização por falta de pontaria e por causa dum guarda-redes inspirado por parte do CSKA. Das estrelas do CSKA nem velas Daniel Carvalho e Wagner Love nem incomodaram o guardião Helton.

København vs Benfica: Um jogo com muita falta de inspiração de ambas as equipas o Benfica parece que ainda está a ganhar rotatividade de pré-epoca e alguns jogadores apresentam cansaço extremo. Depois duma decepção no primeiro jogo da epoca com o Boavista um empate na Dinamarca não é algo de bom.

V. Setúbal vs Heerenveen: O jogo mais decepcionante de todas as equipas, o Setúbal pecando imensamente no capitulo da finalização e o Heerenveen aproveitando claramente todas as oportunidades que a equipa do Sado lhe ofereceu. Uma ronda dificil de superar na Holanda, mas não percamos a esperança.

Rapid Bucaresti vs Nacional: Apenas um golo foi marcado na Romenia, penso que na Choupana o Nacional ainda vai causar surpresa. Esperomos e vejamos


Das restantes equipas em prova a que salientar a vitoria do Steaua do Guarda-Redes Carlos, a nova derrota dos galaticos(R.Madrid) e a recuperação do Valencia com o Morientes a escapar a maldição do "9".

Friday, June 02, 2006

 
De acordo com os poucos (mas bons) votantes do último inquérito, 56% dos inquiridos pensa que o estádio do Boca Juniors, mais precisamente a La Bombonera, é aquele que nos oferece o ambiente mais infernal. Em segundo lugar e com igual percentagem (19%) surgem o estádio de San Siro em Milão e Anfield Road em Liverpool. Fica então concluída a votação, sabendo que uma nova será aberta.

Photobucket - Video and Image Hosting
La Bombonera - Buenos Aires

Muito obrigado aos que votaram.

 

E o futuro campeão do mundo é...

...O Brasil

De acordo com um estudo numerológico executado por um analista brasileiro, o Brasil será o campeão do mundo de 2006. Vamos então ver porquê:

O Brasil conquistou o título em 2002 e 1962, anos cuja soma dá 3964. Também conquistou o mesmo título em 1970 e 1994, com o mesmo resultado: 3964.

Para não se pensar que é uma mera coincidência, a Alemanha conquistou o Mundial em 1974 e 1990, que somados dão também o número mágico: 3964. Agora tentem lá adivinhar qual o resultado da soma entre os titulos conquistados pelos argentinos?
Exacto, 3964 (1978 e 1986).

Assim, qual é o número que falta ao Brasil para conquistar a copa do mundo de 2006?
A resposta é 1958, o Mundial realizado na Suécia que o Brasil conquistou. Mais uma coincidência, pois foi igualmente em 1958 o único campeonato que sul-americanos ganharam na Europa.

Por estas e por outras, entreguem-lhes já a taça !!!

Monday, May 15, 2006

 

Selecção Nacional: os Eleitos

Aqui fica a lista dos 23, onde incluirei uma classificação do nível de forma com que o jogador concluiu a época (entre 0 e 10), seguida de algumas notas sobre a inclusão de certos jogadores:

Guarda-redes:

Ricardo (Sporting) 7
Quim (Benfica) 4
Bruno Vale (Estrela da Amadora) 9

- Bruno Vale é o guarda-redes em melhor forma, embora Ricardo seja dono do posto. Os seus níveis de confiança caíram após a eliminação do Sporting nas Antas em jogo para a taça.

Defesas:

Miguel (Valência, Esp) 8
Paulo Ferreira (Chelsea, Ing) 6
Ricardo Carvalho (Chelsea, Ing) 7
Fernando Meira (Estugarda, Ale) 7
Ricardo Costa (FC Porto) 4
Caneira (Sporting) 6
Nuno Valente (Everton, Ing) 6

- Miguel e os dois defesas do Chelsea acabam em epóca em boa forma, em contraste com o lado esquerdo da defesa, no qual a irregularidade e lesões pautaram a forma de Caneira e N. Valente.

Médios:

Costinha (sem clube) 2
Petit (Benfica) 8
Maniche (Chelsea, Ing) 4
Tiago (Lyon, Fra) 9
Deco (FC Barcelona, Esp) 8
Hugo Viana (Valência, Esp) 4
Figo (Inter de Milão, Ita) 6
Cristiano Ronaldo (Manchester United, Ing) 8
Boa Morte (Fulham, Ing) 8
Simão (Benfica) 7

- Costinha não tem clube, pelo que a sua forma deve ser medíocre, tal como Maniche e Hugo Viana que não jogam regularmente. Ronaldo, Tiago, Petit e Deco apresentam-se como jogadores em grande forma.

Avançados:

Nuno Gomes (Benfica) 6
Pauleta (Paris Saint-Germain, Fra) 8
Hélder Postiga (Saint-Etienne, Fra) 7

Pauleta foi considerado o 3º melhor jogador do campeonato francês, mostrando assim a sua excelente forma. A Postiga fez-lhe bem a saída do FC Porto, enquanto Nuno Gomes jejua há muito tempo, depois de um começo de temporada notável.

NOTAS:

- Ricardo Costa e Hugo Viana são jogadores que não jogam nos seus clubes. Scolari diz que o critério envolve o passado pelas selecções jovens, mas esqueceu-se que esse critério deve conter justiça nele. Tonel, Nunes, Quaresma e outros tantos que jogam constantemente nos seus clubes devem-se sentir-se tremendamente injustiçados com esta convocatória. E com razão.

- Maniche e Costinha. Um não joga, outro não tem clube. Não somos propriamente a Angola para precisar de jogadores experientes, independentemente se eles jogam ou não. Isto porque temos opções de bom nível e a jogar nos seus clubes, algo que (infelizmente) Angola não tem.

Não quero ser pessimista, mas perspectivo um mau começo de Mundial, que uma vitória frente a Angola deverá disfarçar, mas que no jogo contra os jogadores atléticos do Irão irão erguer-se á "falta de pernas" do nosso meio-campo. Isto porque Maniche e Costinha jogarão esses jogos e irão ver a banda passar. Acredito até que após o jogo do Irão, Scolari decida reformular a equipa, tal como o fez no Euro 2004.
E por fim digo, se precisarmos de ganhar ao México para passar aos oitavos...aí podem ir fazendo as malas de volta a Portugal, pois o México engana muita gente, mas a mim não: calhou-nos dos mais dificeis cabeças de série no nosso grupo. Tanto pela capacidade dos seus jogadores, como pela experiência da equipa em Mundiais.

Em suma, resta-nos apoiar a selecção, seja ela bem escolhida ou não, pois decerto estes jogadores darão o máximo de si em campo, lutando pelo nome de Portugal e exibindo o que de melhor sabem nos campos alemães. Assim o esperamos!

Sunday, May 14, 2006

 

Compras

Em fim de campeonato muito já se fala em compras ou vendas por parte dos clubes portugueses. Adriano do FCP após ter mostrado garra para o golo após ter feito 7 golos depois de ter chegado em Janeiro firma contrato com o FCP, Saganovsky do despromovido Guimarães interessa ao SCP e ao FCP, Guimarães também vesse livre de algumas estrelas da equipa como Cleber, Rogerio Matias entre outros de forma a poder renovar a sua equipa. SLB contrata Marcel e deixa fugir(provavelmente) Miccoli, fala-se do regresso de Rui Costa para o posto de nº10 no clube da Luz, SCP decide abrir os cordões a bolsa e compra Abel após a magnifica epoca que fez no SCP!

Monday, May 08, 2006

 

Superliga 2005-06: Balanço final

E chegou ao fim mais uma edição da Superliga, onde os casos foram muitos onde as palavras dos dirigentes tiveram muitas vezes maior impacto que as boas jogadas em campo. Urge mudar algo no nosso futebol, a começar no topo do organigrama.

Ao nível do campeonato, o FC Porto sagrou-se campeão pela 21ª vez e com toda a justiça, apresentando bons resultados tanto em casa como fora e fazendo um final de temporada brilhante! Apesar disso, a equipa apresentou-se por diversas vezes abaixo do esperado, como aconteceu nos jogos contra o Benfica e na Amadora.

O Sporting alcançou o 2º lugar e consequente entrada directa na Champions, tendo exibido na era Peseiro um futebol muito pobre que inclusive lhe ditou o afastamento do título. Com Paulo Bento voltou a esperança, mas já era demasiado tarde. Mesmo assim,acabou por ser um bom resultado para o Sporting.

Quanto ao Benfica, fez uma boa temporada na Champions, mas a nível caseiro nunca esteve sequer perto de incomodar o líder FC Porto. As duas vitórias aos azuis poderão ser as melhores recordações desta temporada.

O Sporting de Braga ficou num honroso 4º lugar, que ganhou sobretudo na 1ª volta da Liga. O Nacional fez do factor casa um trunfo para atingir o 5º lugar, o Boavista eliminou aquela imagem de futebol duro mas não atingiu a Europa. O Leiria terminou num excelente 7º lugar, tendo realizado um espectacular 2ª volta. Mérito para Jorge Jesus. O Vitória de Setúbal conseguiu atingir a Europa ao chegar à final da taça e na Liga conseguiu um bom 8º lugar. Óptimos resultados numa equipa em que os ordenados faltaram mas os resultados apareceram.

Estrela da Amadora e Marítimo foram duas equipas que lutaram pela manutenção e conseguiram-na antes da última jornada, algo que não aconteceu ao Paços de Ferreira, Gil Vicente, Naval e Académica, que tiveram de esperar pelo último jogo do campeonato para saberem o seu destino, que foi a permanência.

Quem não a assegurou foi o Belenenses, o Rio Ave e o Vitória de Guimarães, que desceram na última jornada. Dois históricos desceram, mas a verdade é que ao longo do campeonato, nunca convenceram. Por fim, o Penafiel dignificou a camisola nos últimos jogos, embora já tivesse descido à muito.

E é este o balanço final da muito comentada Superliga. Muitos jogadores corresponderam ás expectativas, como Quaresma, Lucho González, Pepe, Léo, Miccoli, Miguelito, João Tomás ou João Moutinho, outros revelaram-se como Abel, André Pinto, Andrés Madrid, Saganowsky, Paulo Jorge ou Nani e alguns desiludiram, como nos casos de Deivid, Robert, Sonkaya, McCarthy ou Silas.

Fica por fim aqui exposta a minha equipa da época. O treinador escolhido foi Manuel Machado, embora Norton de Matos fosse igualmente uma hipótese credível. Enfim, para o ano há mais!

Photobucket - Video and Image Hosting

Tuesday, April 25, 2006

 

Esquecidos

Temos inumeros jogadores de qualidade que estão em lapso que o selecionador nem pondera em chamar porque ja tem um grupo prédefinido de jogadores, o mister Scolarie era incapaz de fazer o que fez Marco Van Basten em deixar Roy Makaay em terra em deterimento dum jogador da mesma posição e que tem produzido mais. O guardião Carlos Magalhães decidiu ir para fora por forma a que o Selecionador tome mais atenção a ele... mas está visto que lá vai o Quim sem rodagem para o Mundial! Nunes ex-Braga está-se a mostrar la fora entre muitos... Acham que o sr. Scolarie vai permanecer depois do Mundial?????

Wednesday, April 19, 2006

 
Image hosting by Photobucket

E o cinismo italiano falhou. Finalmente!

Num jogo muito táctico (como era esperado), a diferença aconteceu em pequenos pormenores, sendo a eficácia sempre o mais importante. Gilardino que o diga: atirou uma bola ao poste e ainda falhou outra clamorosa ocasião. Entretanto, Kaká abria espaços entre uma defesa sólida, na qual se destacava o regressado Márquez - jogador notável e um sério entrave às aspirações portuguesas no Mundial. No lado oposto, Van Bommel mostrava toda a sua clarividência no meio-campo, enquanto Iniesta mostrava a fúria e a garra espanhola, levando a equipa para a frente vezes sem conta. E nem jogou Deco! Que equipa, este Barça! Viu-se também neste jogo que o Milan em casa jogou bem pior que o Benfica na Luz face ao mesmo Barça. Será esta mais uma prova da qualidade do nosso futebol que muitos teimam em não reconhecer?

E porque o futebol é feito de golos, lá Ronaldinho, sempre ele, lembrou-se de inventar um passe mágico, isolando o veloz Giuly que fuzilou Dida num remate de belo efeito. Não vi à primeira, mas o meu pai disse que Dida pareceu mal batido. Na repetição também me deu essa ideia, e isto porque já que se fala tão bem destes guarda-redes, então também se lhes devem pedir melhores manchas a jogadas que deveriam adivinhar a conclusão. Isto também porque irrita-me tanto debate em torno de Ricardo quando me dá a ideia que é dos melhores a mundo a fazer as ditas manchas aos avançados. Porque Dida joga num grande europeu é melhor que Ricardo, Moretto ou Hélton? Mais uma vez, deixemos de ser tão mesquinhos com o nosso futebol e saibamos ver que a qualidade não está só nos outros.

E pronto, Barcelona com uma vantagem confortável e Milan à beira do precípicio. Os espanhóis querem um Barça - Villarreal na final, mas eu aposto no Arsenal. A ver vamos.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?